feminino

Eloisa Brasil

Eloisa Brasil 150 150 Redação Redação

RESUMO DESPORTIVO DA MINHA VIDA NA ESGRIMA

ELOISA BRASIL DE MORAES

Comecei a fazer Esgrima aos 14 anos, no Esporte Clube Pinheiros, com o mestre Angelo Pio Buonafina.
Participei de muitos campeonatos entre o ano de 1976 até 1987, e parei de fazer Esgrima após o Campeonato Pan Americano de Indianápolis – USA em 1987. 
Em razão das minhas conquistas, tornei-me Atleta Benemérita do Esporte Clube Pinheiros.
Tive uma trajetória vitoriosa, em que consegui atingir meu principal objetivo, que era ser primeira no Ranking Brasileiro, no período de 1983 até 1987. Também fiz parte da equipe brasileira, conseguindo títulos internacionais, como Sul Americano entre outros.
Relato dos Campeonatos Estaduais, Nacionais e Internacionais de Esgrima – Florete Feminino Juvenil e Adulto – Individual e Equipes no período de 1976 até abril de1984 com aproximadamente 130 medalhas que listo abaixo (no período de 1984 até 1987 com mais 100 medalhas que nesta relação acabei não fazendo o levantamento, mas são basicamente os torneios abaixo que recebi e ganhei mais medalhas também):
Campeonatos Paulista, Torneios e Taças aproximadamente 30 vezes – Medalha de Ouro – Campeã;
Campeonatos Paulista, Torneios e Taças aproximadamente 24 vezes – Medalha de Prata e Bronze – Vice-Campeã e Terceiro Lugar;
Campeonatos Nacionais em São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Porto Alegre aproximadamente 25 vezes – Medalha de Ouro – Campeã;
Campeonatos Nacionais em São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Porto Alegre aproximadamente 20 vezes – Medalha de Prata e Bronze – Vice-Campeã e Terceiro Lugar;
Campeonatos Brasileiros aproximadamente 11 vezes – Medalha de Ouro – Campeã;
Campeonatos Brasileiros e Jogos Escolares aproximadamente 7 vezes – Medalha de Prata e Bronze – Vice-Campeã e Terceiro Lugar;
Campeonatos Internacionais, Sul Americanos e Treinamento Internacional: Alemanha (estágio de treinamento nos anos de 1979 e 1980), Argentina, Brasil, Chile, Bolívia, Venezuela, Inglaterra, Itália (estágio de treinamento no ano de 1979), Suíça (estágio de treinamento nos anos de 1982 e 1983) e Estados Unidos – aproximadamente 5 vezes – Medalha de Ouro – Campeã, aproximadamente 8 vezes – Medalha de Prata e Bronze – Vice-Campeã e Terceiro Lugar;
 
Campeonatos Mundiais Participação:
Roma – Itália – 1982 – 2a fase
Viena – Áustria – 1983 – 2a fase
 
Campeonatos Pan Americanos:
Porto Rico – 1979 – 4o Lugar em equipe
Venezuela – 1983 – 7o Lugar individual
Indianápolis – 1987 – 6o Lugar em equipe
 
Também recebi vários troféus e procurei sintetizar neste resumo os campeonatos que participei e minha carreira na Esgrima.
Se tiver algum equívoco, perdoem-me, mas baseei-me nas reportagens e no meu currículo desportivo que fiz junto ao ECP. 
De qualquer forma, acredito que o mais importante do que todos esses campeonatos que participei e medalhas que ganhei, é que graças a esse esporte tão maravilhoso, consegui ter uma vida vitoriosa longe das pistas, que me deixou uma pessoa mais forte e preparada para tudo que tive que enfrentar. 
Em 2000 tive uma depressão pós-parto, e depois em 2003 um câncer do intestino, que consegui vencer, e essas com certeza foram as maiores batalhas da minha vida e que, graças a Esgrima e a DEUS, consegui seguir em frente.
Hoje sigo feliz e trabalhando como Engenheira Química na CETESB – Companhia Ambiental do Estado de São Paulo ajudando o meio ambiente, com duas lindas filhas sempre ao meu lado, e minha amada Mãe, que mesmo não estando mais perto de mim, sempre estará no meu coração e meu querido Pai que sempre me deu o suporte que necessitava para a prática do esporte, além da minha irmã e da minha família, e amigos(as) que me prestigiavam muito e incentivavam na Esgrima. 
Atualmente meu hobby é a fotografia, que também é um grande desafio fazer fotografias cada vez melhores e mais bonitas. 
Deixo um bom material da minha vida para o Instituto Touché e agradeço o apoio e incentivo para o levantamento da minha vida de Esgrimista. E agradeço ao Mestre Buonafina e a todos os meus companheiros e companheiras de Esgrima que fizeram parte da minha caminhada e o meu crescimento físico e mental. Espero que outros campeões consigam cada vez melhores resultados para nossa Esgrima Brasileira!!!

Eloisa Brasil de Moraes . 18/06/2021

Campeonato Mundial de Espada Feminina 2013: uma abordagem estatística sobre o match e o tempo cronometrado para a consecução de um toque

Campeonato Mundial de Espada Feminina 2013: uma abordagem estatística sobre o match e o tempo cronometrado para a consecução de um toque 150 150 Ana Fontoura Ana Fontoura

Segue o link do artigo:

artigo mundial espada feminino 2013

Autores: Tiago Magalhães França Silva , Marcos Daniel Motta Drummond

Fonte: https://online.unisc.br/seer/index.php/cinergis/article/view/6291

Enviado por Pedro Marostega Santos em 27/06/2020

Identificação do Perfil Dermatoglífico, Somatotípico e das Qualidades Físicas Básicas da Equipe Brasileira Feminina de Esgrima

Identificação do Perfil Dermatoglífico, Somatotípico e das Qualidades Físicas Básicas da Equipe Brasileira Feminina de Esgrima 150 150 Ana Fontoura Ana Fontoura

Segue o link do artigo:

identificação do perfil dermatoglífico

Autores: Rafael soares pinto da Cunha;  José Fernandes Filho

Fonte: https://dialnet.unirioja.es/servlet/articulo?codigo=2950882

Enviado por Pedro Marostega Santos em 27/06/2020