Espada

Lorana Schwantes

Lorana Schwantes 150 150 Redação

Nascida em Curitiba (PR), em 17 de outubro de 1982, filha e neta de esgrimistas, iniciou na esgrima aos 10 anos de idade após passar por esportes como natação, ginástica artística e dança contemporânea. Sua primeira arma foi o florete, mas como em 1996 a espada feminina passou a ser permitida nos jogos Olímpicos, escolheu esta como sua arma principal, influenciada também por seu pai e técnico, Ronaldo Schwantes. Em 1998 ocupava a 2ª posição do ranking nacional cadete e foi convocada para os Jogos Mundiais da Juventude – Moscou. Durante o ensino médio fez uma pausa na esgrima para integrar a equipe de basquete do CEFET-PR participando de jogos interescolares e estaduais. Nesse período, se dedicou também à dança e a capoeira. O retorno aos treinos é marcado pelo ano de 2010, conseguindo diversos títulos paranaenses e, com isso, permitindo que voltasse a integrar a equipe do seu estado nos campeonatos brasileiros. Foi 3 vezes campeã Brasileira por equipes (2011, 2012, 2019); bronze por equipes em 2018. Primeiro lugar no ranking Paranaense em 2018 e campeã Paranaense em 2019. Mesmo ano em que iniciou outra etapa na vida esportiva, a de técnica. Cursando a graduação em Educação Física, divide seu tempo entre estudos, aulas de esgrima, atleta e profissional autônoma de Arquitetura e Urbanismo, sua primeira graduação. É certificada como Árbitra Nacional pelo Instituto Brasileiro de Esgrima (2017) e Participação no II Estágio de Aperfeiçoamento para Técnicos e Atletas de Esgrima com o Mestre Filippo Lombardo em Curitiba, modalidade espada (2019).